Os seus temas distinguem-se por procurar trazer das influências modernas internacionais um estilo de composição mais cantado, com ênfase na melodia e letras num português honesto, de quem fala do que vê à sua volta.

O desafio de compor e produzir os seus temas em redor de apenas guitarra acústica e bateria, sem loops nem “aditivos”, tem potenciado a criatividade nas abordagens das próprias linhas que escrevem as músicas, e o amadurecimento do conceito e identidade de Grand Pulsar.